edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 7.1.08
Etiquetas:

"As escolas básicas e secundárias vão deixar de ter santos ou santas na sua denominação oficial. A indicação partiu do Ministério da Educação, no âmbito da aplicação da Lei de Bases do Sistema Educativo. O Decreto-Lei n.º 299/2007 define as normas aplicáveis à denominação dos estabelecimentos de educação ou de ensino públicos não superiores, acabando com as tradicionais EB 1 ou EB 2,3, e passando apenas a existir escolas básicas ou secundárias.
Quanto ao nome, o decreto-lei diz que "devem criar-se designações com que as comunidades educativas se identifiquem e que sejam facilitadoras da elaboração de cartas educativas, tratamento estatístico e da aplicação das novas tecnologias”. Assim, para redenominar as escolas públicas, o Ministério da Educação entendeu encarregar da escolha as assembleias de escola, dando entretanto a indicação aos órgãos directivos de que devem ser evitadas alusões religiosas, como nomes de santos ou santas. Esta ordem está a provocar alguma polémica, nomeadamente ao nível das antigas escolas primárias, agora escolas básicas, cujo nome era, por norma, o mesmo da freguesia. Dando como exemplo o concelho de Elvas, temos as escolas de Santa Luzia, na cidade, e de S. Vicente e Santa Eulália, nas freguesias rurais do mesmo nome."
Apenas quem seja exterior ao Concelho pode imaginar que a alteração das denominações das escolas em Elvas possa causar algum problema. Existe já um movimento encabeçado por reconhecidos professores de Elvas que pretende que todas as escolas básicas do concelho passem a denominar-se "Escola Básica JRA - 1" e "Escola Básica JRA - 2" e assim sucessivamente.

1 comentários:

canal241 disse...

Não dêm mais ideias ao narciso. Chega de jra, chega de socialistas, chega de corruptos, chega de incompetente, chega de pedófilos, chega desta corja de ignorantes que nos querem subjugar até ficar de ... pró ar...

Search