edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 26.2.07


Muito é o ruído que se levanta sobre o futuro da renovada rotunda frente ao Aqueduto da Amoreira.
Todos sabemos que em Elvas bastam onze assinaturas para, em nome da população, se outorgarem toponomias.
São várias as teses que em cafés e nos cantos da Carreira se colocam. Das que tenho constatado a que menos é admitida será a de uma estátua a Rondão Almeida. Já em 5 de Agosto' 05 ( ver aqui ) este Velho Conselheiro vislumbrava algo assim! Mas não acredito que a idolatração e narcisismo cheguem a tanto. Acredito que o Regedor ainda consiga ouvir aqueles que não o temendo lho dizem!
Quanto à colocação de outra estátua, nomeadamente a de D. Sancho II, parece-me descabido, tanto mais que El-Rey está numa praça com o seu nome e em local bem digno!
Então que solução para aquela rotunda? NENHUMA. A macro rotunda deverá ficar com o mesmo arranjo paisagístico, com pequenos arbustos e roseiras, numa intervenção miníma que não roube ou perturbe a visão do ex libris da Cidade. O Aqueduto e a nova zona envolvente têm dignidade e não se deve "ofuscar" com "titeres" o monumento elvense por excelência e coração.
Em último caso plantem narcisos!

8 comentários:

rosamaria disse...

Abriu em Elvas um expaço com bom ambiente e fado,não se esqueçam de a vizitar
É um expaço acolhedor e agradavel
Aberto de quarta a domingo, com fados ao sabado.
Sabado dia 3, Lurdes de Sá, uma artista Évorence! Não falte, para continuar é preciso que os Elvences, acreditem...
Fados & Eventos
Rua Gomes Estela nº2(junto à Rua de Alcamim)
Elvas

Anónimo disse...

A publicidae á Fados & Eventos é boa, os erros de ortografia para um texto tão pequeno é que são excessivos. Espero que o espaço não se venha no futuro a ressentir de tanta asneira em tão curto espaço. Puxa!...

rosamaria disse...

Senhor anónimo.
Mesmo que eu escrevesse, sem erros, você estaria sempre a desdenhar, não é o que faz sempre que alguem aqui escreve alguma opinião ?
Puxa!... custa assim tanto ser condescendente calmo e desculpar a distraçãpo sem ser agressivo e inconveniente?
Não tem desculpa dar erros de ortografia é verdade, mas tambem quem mandou no meu tempo ensinar obrigatóriamente em maquinas de escrever exclusivanente nacionais? O erro é inevitavel, não lhe parece ????
Meu caro anónimo tenha calma, a vida é feita de erros e com eles nós aprendemos...tá a ver? estive aqui com todo o cuidado a olhar para o teclado e deixar este recado para si.
Paz saúde e muita alegria para si sr anónimo, que se dirigiu a minha pessoa.

Anónimo disse...

Deviam era forrar a rotunda com areia para os Camelos d'Elvas irem passear... e m...r nos pés do Regedor!

pulga disse...

Eu concordava com a estatua mas tinha que ser nu e de cu para o ar para que o povo, pudesse passar por lá e dar-lhe uma nalgada amiga, as brutidades e más intenções não eram permitidas.
A estatua tinha que ser em bronze para quue com a continuidade das nalgadas ficasse com a nalga dourada de tanto se passar com a mão.
Aos domingos o povo podia entreter-se a passar ordeiramente pela estatua e dar a sua nalgadita da semana, no regedor.
Não deveria ser permitida mais do que uma nalgada por habitante/semana, tem que se por Regra já que haveria muitos que não queriam outra coisa que estar a dar nalgaditas a toda a hora para dar nas vistas.

Anónimo disse...

AHAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAH

Marco Sequeira disse...

Concordo que o arranjo paisagístico da rotunda seja o mais simples possível. Talvez relvada com pequenos arbustos (para não ficar tão vazia).
Nada de estátuas, nada de fontes, e retirem de lá aquelas "palmeiras".
Aquela zona já tem um ponto de admiração e contemplação: O Aqueduto. Não estraguem aquela vista.
Com frequência, tenho visto turistas a fotografar aquele monumento. Não gostaria de os ver a tirar fotos aos seus familiares ao lado de uma estátua, ou a refrescarem-se numa fonte, tendo como segundo plano o Aqueduto.

Anónimo disse...

Excelente a foto dos narcisos, com os Arcos da Amoreira de fundo.
Realmente as estátuas nas rotundas a meu ver não ficam nada bem.
Mas as rotundas cobertas de mato como as que existem nos acessos á vila de Arronches, também não dão lá muito boa imagem a qualquer terra.
Sempre que me desloco de Elvas a Portalegre e passo pelas abandonadas e tristes rotundas de Arronches, pergunto-me será que os Arronchenses estão com falta de gosto ou andam um pouco desmotivados, julgo que deveriam ao menos ajardinar as ditas, e porque não embeleza-las talvez com um Porqueiro e porquinhos, ou então com o símbolo do partido Socialista, que em Arronches reina á décadas.
Quanto a Elvas minha terra de adopção, muita coisa bonita tem sido feita, mas essa ideia de estatuas de políticos nas rotundas não acho bem, para quê, vejam o que aconteceu com as estátuas do Salazar, Franco e do tal do Saddam Hussein, meras vaidades passageiras, hoje vendidas em sucateiros.

Search