edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 10.11.06

3 comentários:

altaneira disse...

Realmente só temos a agradecer tanta cultura , em tão poco tempo.
Ze de Mello pode alegrar-se com a Dulce Pontes lá mais para o final do mês,e isto porque existe no Palácio do regedor, uma figura importantissima, aliás a chave deste sucesso todo...!...Ahhhhhh...

rosamaria disse...

Mais um tapa-olhos!
Mas enfim lá estarei para ver a Dulce ...Mas vou pagar o meu bilhete!
Como não há dinheiro nas vesperas vão, oferece-los para encher o coliseu!
E bilhetes de borla, também servem para calar o povo...
Por isso haja cultura à farta por estas bandas.
Boa tarde e fiquem bem

Floribella_Elvense disse...

Pobres dos Elvenses:


Pobres dos Elvenses, que tanto têm
P'ra que serve tanto dinheiro

Pois faltam empregos, falta vontade
Falta o tempo e a liberdade


Vivem com medo de perder a cidade
muita arrogância e muita ganância


Falta o dinheiro e a esperança
Basta de Rotundão e a sua perseverança


Pobres dos Elvenses, que sem igualdade
vivem a vida sem liberdade!


Não temos nada
Mas temos, temos tudo
Rotundão Almeida é o nosso futuro!


Mas não me importa
pois só por ter Câmara
não compro amigos, políticos
e não chupo na mama!


Eu tenho azar em ser Elvense
tenho de gramar o regedor

Pois nem o emprego tenho na minha mão
não há capacidade de inovação

vem ter comigo, vamos protestar
pois nunca é tarde para reclamar


pois estou sem tempo para o mundo
pois o Rotundão rouba-me cada segundo

Tudo o que tenho é dividido
os filhos da nação são meus amigos!

Search