edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 16.2.06

2 comentários:

Fitas Custódio disse...

E onde estão as acções concretas por parte da população dinalizadas pelo Presidente da Autarquia?
Agora, como se diz no Alentejo, são sopas depois do almoço ou um lavar de mãos como Pilatos.
Até na mais pequena aldeia as populações demonstram o seu descontentamento quando algo as prejudica (vê-se isso todos os dias na TV e nos jornais). Em Elvas nada acontece. Viva a passividade.

Ao longe... disse...

Muita parra, pouca uva!!!
A rainha da fronteira aos poucos vai-se tornando «el barrio mas distante de badajoz»... por muito que nos custe!!!

Search