edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 4.1.10


Iniciamos o ano olhando para o futuro e recordando que em 2009 o Concelho progrediu em direção ao desenvolvimento económico e social, preparando-se para ser cada vez mais plural, tolerante e socialmente solidário.

Como é hábito este Velho Conselheiro, manterá a sua linha de editorial solicitando e exigindo aos poderes establecidos ações, que na nossa opinião, são necessárias ao Concelho.

Exemplos desta labor não faltam desde há 4 anos, algumas colheram eco, outras estão em estudo ou projeto e outras continuaremos a explicá-las para que possam, se assim o entenderem, ser uma realidade. Não nos importa que nos acusem de anti-regedor, de cobardes, de autístas, etc, o que realmente é importante é que o nosso Concelho, a nossa Elvas, mantenha uma rota de melhoria a todos os níveis. Não somos anti-poder, nem destilamos ódio, consideramo-nos corajosos por desenvolver um espaço de opinião e cultura, nesta segunda geração da internet, tentando estar atentos ao que se passa nas ruas de Elvas.

Falta muito para que tenhamos a 2ª Cidade do Alentejo, mas é orgulhosamente que vemos que deixámos de cópiar, literalmente, Évora e agora somos exemplo para muitos outros Concelhos do Alentejo, incluindo Évora.

Este ano que agora se inicia será o ano em que os cidadãos de Elvas e Badajoz demonstrem aos senhores politícos que embora estes não creiam na Eurocidade, estas duas localidades raianas já a vivem a diário. Em breve publicitaremos os projetos, que desde o facebook, se estão a preparar para 2010.

Uma última palavra para aqueles que a diário nos visitam: Obrigado. Sentimento este que alargamos a todos os Elvenses que acreditam e trabalham para que o nosso Concelho seja a cada dia que passa melhor: Muito obrigado.

TODOS SOMOS ELVAS!!
2010 ANO DA EUROCIDADE

3 comentários:

Toca a Todos disse...

Tou feliz porque tu és anti-Regedor e tenho mais uma para contar que me desseram da Terrugem.

A dotora Elsa Grilo foi ontem á Terrugem representar o Regedor e fez um descurso em que só disse tretas que não interessam a ninguém.

Tão todos feitos no molde do Regedor. Não valem a ponta de um c....

Eu já sabia que Elsa Grilo era a sombra do Regedor e também uma lambe botas. É como se fosse o canino fiel sem cabeça para decidir por si.

Só obedece ás ordens do dono.

O meu amigo terrugense disse-me que o Carvalho ficou de boca aberta e chateado porque odeia a dotora Elsa e vai já hoje contar ao Mocinha. Quando sober da conversa dos dois escrevo mais.

issope disse...

Elvas tem características únicas que lhe permitiriam crescer não só de maneira sustentada, mas sobretudo acelerada (no melhor sentido), se o futuro não estivesse a ser boicotado de forma sistemática há quase 2 décadas, pela ignorância e indiferença urbanísticas relativamente à proximidade geográfica de Badajoz.

O Futuro é boicotado porque se impede a reclassificação do Caia, permitindo que aí cresça uma nova cidade.

Elvas tem características únicas e podia crescer à custa de Badajoz como a Margem Sul cresceu à custa de Lisboa, tornando-se na primeira cidade do Alentejo.

Se Elvas continuar a perder população, os partidos do "Regime" (PS e PSD), tirar-nos-ão tudo o que é serviço público, contribuindo para acelerar a espiral de desertificação.

Os "políticos" de cá escolheram a Euro-Cidade.
Os de lá foram mais lúcidos, fizeram Badajoz chegar ao Caia.

O pragmatismo de Espanha contra a estéril ideologia do nosso cantinho!

Um abraço ao "Toca a Todos", continue, precisamos de saber as verdades.

André Miguel disse...

Antes de mais feliz 2010 ao Zé de Mello e todos os seus leitores.
Concordo em parte com post, só discordando quando afirma que o concelho progrediu em direcção ao desenvolvimento social e económico, pois como mostra o Issope sobre a Eurocidade, ainda falta muito para isso.
Tal como creio que não temos nada a ensinar a Évora, mais bem o contrário. Estamos a anos-luz do desenvolvimento socio-económico da capital do Alentejo, no entanto acredito que temos todas as condições para inverter a situação a médio prazo.

Search