edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 12.7.07
Etiquetas:

A Vila Fernando é uma freguesia do concelho de Elvas, com 51,27 km² de área e 353 habitantes (censos 2001). Densidade: 6,9 hab/km², situada a 15 quilómetros da sede do concelho. Ainda hoje lhe chamam Aldeia da Conceição, porque a igreja paroquial tem por orago Nossa Senhora da Conceição.

O documento mais antigo que se conhece com referência a Vila Fernando é uma carta de couto datada de 1363. Os registos paroquiais mais antigos datam de 1620. Vila Fernando pertenceu à Casa de Bragança, por compra que fez ao então proprietário, D. Catarina, mulher do Duque D. João I.



Um dos edifícios de maior porte desta freguesia é o do Colégio de Vila Fernando que, desde 1895, tem uma instituição de reinserção social de jovens. Começou por se chamar Colónia Agrícola Correccional. Noutro edifício, o da sede da Junta de Freguesia, deve-se visitar o Museu Etnográfico e de Arqueologia. Para além de peças encontradas em escavações arqueológicas, em que a freguesia é fértil, revive-se neste museu o quotidiano do povo alentejano, apresentado com bom gosto e rigor.

27 comentários:

Anónimo disse...

...é lamentável a inversão de valores do intelectual que pomposamente se auto-intitula de "conselheiro", alguma história, alguma etnografia o colégio correccional e esquece a TABERNA DO ADRO DO GRANDE LUÍS DE SOUSA...

Anónimo disse...

...e depois está lá aquela senhora que decepa as árvores, vá-se lá a saber porquê...

Anónimo disse...

...que é mulher do grande cronista e romancista Franco Galego, também esquecido pelo intelectualoide esquerdista "conselheiro", especialista em trocar o essencial pelo acessório...

Anónimo disse...

Mais uma vez para quem discute pequenas coisas, vejam noticia da rádio Elvas. O nosso ex comunista devia aprender....
Turismo de Portugal premeia CM Portalegre
Os projectos "Requalificação e ordenamento do areal da Praia da Rocha”, Algarve, "Geira da Serra do Gerês”, Norte do País, e a Câmara de Portalegre, pelo Centro de Congressos, Galeria de Exposições Temporárias e o Posto de Turismo da cidade alentejana foram os vencedores da segunda edição dos Prémios Turismo – Valorizar o Espaço Público, atribuídos hoje pelo Turismo de Portugal. O projecto para a Praia da Rocha recebeu o prémio na categoria Ambiente Praia, que distingue "a melhor intervenção integrada numa praia marítima concessionada, que contribua para a qualificação do produto "Sol & Mar”, melhorando a sua atractividade turística e condições de utilização”, informou o Turismo de Portugal.

Câmara Municipal de Portimão, Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve e Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos são os promotores deste projecto. Na categoria Ambiente Praia foram também nomeados "A Vida é Bela – Experience Beach”, no concelho de Tavira, promovido pela Maritz Marketing, "Certificação ambiental e de qualidade da Praia da Rocha Baixinha Nascente”, promovido pela Marina de Vilamoura, e "Valorização da frente marítima da Póvoa do Varzim”, promovido pela respectiva Câmara Municipal

Anónimo disse...

A muitos barretos, rochas e afins por aí. Hora vejam:
Acasos muito esclarecedores.·
> > Aprendam meninas e meninos, aprendam...
> >
> > Antes de lerem este e-mail vejam, por favor, a imagem.
> >
> >
> > Explicação do dito artigo:
> >
> > 1. Sabem em que consiste a "manutenção" do site do ministério da
>justiça?
> >
> > Não? Ok! Eu esclareço: trata-se de actualizar conteúdos, um trabalho que
> > provavelmente muitos dos v/filhos fazem lá na escola ou em casa "com uma
> > perna às costas". Por falar em "costas" acham que o ministro costa
>recorreu
> > ao otl e pediu um puto qualquer para tratar do assunto?
> > Não! Trata-se de uma tarefa altamente técnica que justifica uma
>remuneração
> > de 3.254,00 euros mais o subsídio de almoço, claro!!!
> >
> > 2. E sabem quem tem o perfil adequado a essa extremamente especializada
> > função?·
> >
> > Não? Ok! Eu esclareço. Trata-se de Susana Isabel Costa Dutra.
> > Susana Isabel Costa Dutra, é (por uma acaso daqueles que só acontecem...
>em
> > Portugal!) filha do ministro Alberto Costa.·
> >
> > Et OUI!
> >
> > Se puderem espalhem pois pode haver alguém que não tem acesso ao Diário
>da
> > República, ficando assim prejudicado de saber que "lá vamos, cantando e
> > rindo, levados, levados sim,.........."
> >
> > Ai ai!

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Senhor Administrador do Zé de Mello!

Soube ontem já à noitinha por pessoa amiga, duma publicaçãozinhano no seu blogue sobre Vila Fernando, e que acerca do dita, três anónimos disseram coisas muito engraçadas.Não costumo pronunciar-me acerca do que nos blogues se publica, mas desta vez fui incontinente, e não resisto a fazer duas obeservações,dois esclarecimento e um sentido agradecimento.
Então é assim: observo que publicaçãosinha sobre Vila Fernando é uma coisa absolutamente paupérrima, o que me leva, sem dificulade a concluir, que o seu autor nem se deu ao trabalho de ler uma interessante Monografia Histórica de Vila Fernando feita pelo Padre Henriqe da Silva Louro da Asssociação doa Arqueólogos Portugueses, o que o habilitaria a produzir melhor coisa. Observo que o Anónimo das 6:31 de 12 de Julho de 2007 ao lembrar a Taberna do Adro e entusiasticamente o Luis de Sousa, provavelmente teria sido um nadinha mais justo se tivesse referida também a D. Maria José, porque aquilo é um trabalho comum que resulta da complementaridade entre eles.
Esclareço o Anónimo das 6:34 de 12 de Julho de 2007, que "aquela Senhora" à data em que as árvores foram decepadas se encontrava em Montemor-o-Novo a acompanhar o autor destas linhas (seu marido) no Hospital de S. João de Deus que ali se encontrava internado para ser operado ao septo nasal, e que a as árvores foram mandadas cortar abusivamente pelo então Secretário da Junta Joaquim Fernando Barbosa, completamente à revelia "daquela senhora", e que por isso a ele se deverá dirigir para satisfazer a sua curiosidade sobre o "porquê".
Esclareço o Anónimo das 6:37 de 12 de Julho de 2007, que não sou conselheiro, nem poderia sê-lo, porque essa condição pressupõe que teria que dar conselhos e não os tenho. Possuo efectivamente um Concelho, mas doutra natureza, e ainda assim, é partilhado com 6391 e por isso não posso da-lo: é o Concelho do Alandroal donde sou natural. Finalmente quero fazer um sentido agradecomento ao mesmo Anónimo, porque me prestou um alto serviço ao dar-me conhecimento de três coisa, que eu de mim próprio não sabia, embora já desconfiasse duma delas: não sabia que sou um "grande cronista e romancista", como não sabia igualmente que era conhecido - suponho que trocou conhecido por esquecido - "pelo intelectualoide esquerdista conselheiro", quanto a ser "especialista em trocar o essencial pelo acessório", fêz bem o Senhor Anónimo em lembra-me desta minha qualidade, embora eu já dela desconfiasse. Ainda assim estou-lhe sentidamente agradecido.
Já agora sugiro-lhe que de futuro quando a mim se referir diga assim: " O grande cronista e romancista do acessório"
Cumprimentos a todos os anónimos e ao Senhor administrador deste blogue do confuso ( porque troco o essencial pelo acessório) Joaquim A. Franco Galego

Anónimo disse...

...amigo Franco Galego, embora o dono do blog não mereça que eu o visite, porque as minhas visitas dão-lhe visibilidade estatística...

...queria dizer que não é o Sr F.G. que troca o essncial pelo acessório, mas sim o comunistoide intelctual "conselheiro" que censura os meus posts, porque ferem a sua sensibilidade esquerdista...

...troca o essencial pelo acessório porque escreveu de V.F.
e esqueceu o Sr. F.G...

... oconselheiro comunistoide censurou os meus posts de V. Fernando acima, porque falei emm assunto e pessoa que lhe é sensível...

...quanto à sua mulher espero que considere que foi uma bricadeira inócua, não carecendo portanto de desculpas...

Anónimo disse...

... a Maria José na Taberna do Adro? A Maria José Rijo? Além de Poeta, Prosadora, Pintora e Escultora tambem é cozinheira?...

Anónimo disse...

TREZENTOS E CIQUENTA E TRÊS habitantes e tantas trincas que por lá se dão!
Nas últimas eleições as trincas foram (ou tentaram) resolvidas á garrafada, agora não sei mas, na minha ignorancia, do que se passa em Vila Fernando o assunto é de "PODA" excesso ou falta dela, aqui na sede do concelho o assunto resolve-se Podando os Tomates de "ALGUNS" e o assunto fica resolvido.
Tambem é verdade que os assuntos aqui são de "lana caprina" e a maior dificuldade que houve na sede do concelho, foi quando quiseram capar o Góis!!!! uns dizem que a dificuldade, teve como origem, a incontinência, não sei de que tipo, se verbal ou da outra, tambem disseram que o homem não os tinha no sitio, enfim só banalidades.
Mas o homem resolveu o assunto, escreveu no Pasquim cá do burgo que os escribas dos blogues por maiores que fossem, não lhe chegavam aos calcanhares e que para dizerem mal dele, só o faziam no anonimato do IP , apesar disso ele continuava a dizer bem do regedor, que ele não é parvo e "não vá o diabo tecelas".

robim dos bosques disse...

Robim dos Bosques disse...
Pois anda por aqui muita gente no Zé de Mello a falar e não os vejo a fazer nada,parecem umas rameiras, vê-se mesmo que são reformados ou então malta rica que não tem mais nada para fazer senão andar aqui ás bocas uns contra os outros,deviam ter vergonha meus senhores.Pois é eu agora vou andar por cá por Elvas uma temporada e ao saber aue havia este blog achei interessante e dei uma olhadela.Vou tirando algumas ideias sobre esta cidade e ver que o unico que ainda faz alguma coisa é o Zé Rondão é um pouco ditador mas vai fazendo apesar de nao criar industria(postos de trabalho) pois o tempo do comercio já la vai e a cidade esta cheia de elefantes tipo(MUSEUS).A oposiçao é fracota desde que o sr Manuel Antonio se calou e tipos como Manuel Carvalho,vitem ou o ultimo da dinastia laranja que se modou para a equipa do ZÉ Rondão quando este fez dele PRESIDENTE DE O ELVAS(C.A.D)é claro falamos do SR eurico.Em relação ao Mini Gois por fonte segura sei que o presidente ZÉ Rondão vai construir aqui na sua RONDÒNIA um parque temático de atracções, nao desta vez nao leva o seu NOME que se vai chamar ´´O ALENTEJO DOS PEQUENINOS``baseia-se numa grande superficie ao ar livre onde são apresentados todos os grandes monumentos do alentejo inclusive aqueles feitos no mandato do ZÈ RONDÃO(COLISEU,PARQUE...etc)e adivinhem quem vai ser o homen forte e responsavel,pois é, nada mais nada menos que o SR Mini Gois será mais uma grande obra a nascer em Elvas com o reconhecimento a esta grande personalidade de Elvas já que nao lhe dao o nome de uma rua da cidade como deram a algumas pessoas que ainda não fizeram nadapor Elvas dão-lhe um parque tematico ,acho muito bem e já agora dou os parabens ao Sr Gois (pigmeu)pela sua participação no programa da SIC (Familia SUPERSTAR).Por agora é tudo portem-se bem que eu ando por cá de olho em voces.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
robin dos bosques disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

...o Sr João Góis já anda à procura do IP...

Anónimo disse...

...e o comunista da comissão de trabalhadores do Colégio de vila fernando que sempre se colocou ao lado da direcção do colégio contra os colegas trabalhadores...

Anónimo disse...

...e que o diga o candidato à câmara de Elvas pela CDU, Sr Von Gilsa, trabalhador como o Vintém no Colégio de Vila Fernando...

Anónimo disse...

...o comunista que traía os colegas é o comunista vintém...

Search