edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 20.9.06
Etiquetas:

Vinte de Setembro.
Luz, frescura da manhã quase outonal.
Entoam foguetes e bandas.
Elvas ouve o hino do Senhor Jesus da Piedade.
A festa da Fé está de volta à Cidade.

Reencontros e laços que em cada ano se renovam.
Memórias que o tempo teima em não apagar,
Saias cantadas e dançadas no arraial de S. Mateus,
Caravanas de churriões que chegavam dos campos...
Saudades.
Do passado,
Não diferentes são os propósitos.
Gente peregrinas.
Ténue luz de uma vela,
Aflição, prece, agradecimento.
Cada vinte de Setembro,
Uma nova caminhada,
Uma nova esperança
Para cada um,
Para todos.
Procissão sentida,
Chão pisado,
História de mais um ano,
Preces para o vindouro.
Senhor Jesus olha por nós,
Protege, ilumina e guia nossos filhos,
Ajuda-nos a lavrar o nosso chão,
Rega nossa terra...
Te pedimos Senhor,
Nós que somos a tua gente,
A gente de S. Mateus,
A gente do Bom Jesus da Piedade.
João Garrinchas In Programa Oficial das Festas em Honra do Senhor Jesus da Piedade

2 comentários:

Xanu disse...

É tempo de agradecer ao Senhor Jesus da Piedade as graças concedidas no último ano.É tempo do reencontro connosco próprios.É mais um S.Mateus, mais uma romaria ao Senhor da Piedade.Que seja vivida em pleno.
Que o Senhor Jesus da Piedade nos torne mais tolerantes e mais humanos. Bom S. Mateus!

Anónimo disse...

O nome do Autor é JOAO GARRINHAS e não Garrinchas

Search