edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 10.3.09
Etiquetas:


"Reuni com o Ministro e consegui que aqui (Elvas) se instala-se o Museu Militar Nacional, com 60 militares"


O Palácio  "criou condições para a criação de 539 micro-empresas"

"criou-se condições urbanisticas para dezenas de edificios e centenas de habitações já vendidas"

"Elvas nunca precisou tanto das pessoas unidas como agora"

Declarações de Rondão Almeida à Rádio Sim de Elvas, ontem. 

4 comentários:

democracia século 21 disse...

..."Elvas nunca precisou tanto das pessoas unidas como agora"

Disse Rondão Almeida que admite que o Governo Socialista quer aniquilar Elvas, suprimindo-lhe algumas muletas(serviços públicos) dependentes do Governo da Nação!

AP disse...

As "pessoas unidas como agora" é um apelo ao voto no PS... Ou estou enganado?

Scottish disse...

Realmente mais parece uma pré-campanha eleitoralista!
Das frases vou tomar especial atenção às condições para a criação das 539 micro-empresas.
Grande Abraço Zé!

issope disse...

Eu ouvi bem a entrevista e ouvi o senhor Presidente da Câmara afirmar que foram criadas nos seus mandatos em Elvas 539 novas micro-empresas, coisa que já referiu noutras ocasições.
É natural, porque os elvenses são gente trabalhadora e que acredita nas potencialidades da sua terra.

Também não acho nada estranho que oum Presidente de Câmara apele à união entre as pessoas, porque Rondão almeida tem feito isso em todos os seus discursos do 14 de Janeiro, mesmo sem ser em ano de eleições. Portanto era importante que não se desse continuidade a insinuações, vindas sempre de onde se sabe, sobre a atitude de uma entidade séria!

Ninguém duvida que um Presidente de Câmara, e sobretudo o nosso, quer o melhor para o seu Concelho, independentemente de ser ano de eleições ou não.

Search