edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 30.3.06

«A Fujitsu Services foi escolhida pela Câmara Municipal de Elvas para implementar um datacenter, que engloba um conjunto de servidores, software de backup e estrutura aplicacional, tendo em vista o desenvolvimento tecnológico da própria Câmara e também a necessidade de prestar serviços cada vez melhores e mais rápidos aos munícipes.
Com esta solução, a Câmara Municipal de Elvas pode agora efectuar o tratamento automático da informação relacionada com as principais áreas de Gestão da Autarquia, proporcionar aos Órgãos de Gestão Autárquica informação actual completa e precisa para o apoio à decisão, relacionar-se de uma forma mais simples com entidades externas, expandir o máximo de informação e de comunicação à generalidade dos serviços e proporcionar aos munícipes uma relação mais aberta e de maior confiança com a sua autarquia. “Todos os funcionários que trabalham actualmente na Câmara têm hoje à sua frente um PC ou um computador portátil a funcionar com acesso à Internet, com uma caixa de correio personalizada e com ferramentas que lhes permite comunicar e partilhar informação entre os próprios colaboradores, o que acaba por beneficiar o serviço ao munícipe”, salienta Joaquim Folgado, responsável de TI, Câmara Municipal de Elvas.
Num concelho de 25.000 habitantes, em que a Câmara gere desde um projecto de obra até à facturação da água, qualquer perda de informação é grave. Por isso mesmo, para a Câmara de Elvas a segurança dos dados era uma das principais preocupações, que foi colmatada com a solução implementada. “Hoje em dia, a tecnologia é indispensável em qualquer tipo de serviços, e se não houver segurança, não há fiabilidade”, garante Joaquim Folgado.
Acima de tudo, a Câmara Municipal de Elvas tinha como objectivo implementar uma solução que lhe permitisse crescer tecnologicamente, tendo a solução da Fujitsu sido desenhada para proporcionar um elevado nível de escalabilidade, podendo assim crescer de uma forma planeada e eficiente à medida que novos requisitos surjam. Com a mudança da sede da Câmara Municipal para um novo edifício, o município realizou uma rede estruturada de base, com a ideia de a posteriori integrar todas as soluções já existentes, com a possibilidade de ser uma solução expansível e não estática. “Foram consultadas várias empresas no mercado e a Fujitsu foi aquela que nos conseguiu oferecer um equilíbrio entre competências tecnológicas, garantias de equipamento e garantias de integração”, salientou Joaquim Folgado, responsável de TI, Câmara Municipal de Elvas.
»
FONTE: Fujitsu Portugal

2 comentários:

Lupor disse...

onde é que eu já li isto!

bluerussian disse...

Caro Zé de Mello, antes de tudo, muito obrigada pela sua visita ao meu blog, e pelo seu comentário.
Acerca das novas tecnologias, esta medidada CM de Elvas é mais uma prova de que muitas das grandes câmaras deste país têm muito a aprender com câmaras responsáveis por populações menos densas. A utilização destes meios, correcta e adequada aos serviços, agiliza os mesmos, trazendo mais-valia para todos. Os meus parabéns a Elvas!

Search