edição:Velho Conselheiro Ze de Mello a 28.1.08
Etiquetas:

«Foi arquivado o Inquérito n.º 28/07.0TELSB relativo à queixa intentada pelo cidadão José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa e primeiro ministro enquanto tal contra mim, António Balbino Caldeira, conforme despacho da senhora procuradora-geral adjunta dra. Maria Cândida Almeida (directora da DCIAP) e da senhora procuradora-adjunta dra. Carla Dias, datado de 18-1-2008 e que há pouco recebi.
O motivo da "queixa do cidadão José Sócrates e primeiro-ministro enquanto tal", que finalmente posso revelar, foi a minha referência ao "centro governamental de comando e controlo dos media" no post "Rasganço domingueiro" em 7-4-2007 (e à "força de encobrimento e contra-informação do centro de comando e controlo do Gabinete do Primeiro-Ministro" no post "Páscoa da Cidadania", ainda de 7-4-2007) e a questão do MBA curso/grau.
O Ministério Público arquivou e mandou notificar o cidadão José Sócrates e primeiro-ministro para deduzir, se o entendesse, no prazo indicado, acusação particular. José Sócrates não deduziu acusação particular contra mim e o Ministério Público determinou o arquivamento dos autos.
Agradeço, neste momento, ao meu excelentíssimo advogado,
Dr. José Maria Martins, a sua defesa intransigente, fruto da sua competência, desassombro e tenacidade, que resultou em mais este veredicto, a solidariedade da comunidade íntima dos comentadores e leitores deste blogue, dos irmãos blogueiros que conquistam, pelo risco da palavra, em cada hora, a democracia e a liberdade de expressão colectiva e individual - em especial aqueles que sofreram acusações e perseguições pelo que escrevem -, bem como à minha família, alunos, colegas, conterrâneos e tantos portugueses, e estrangeiros, que se solidarizaram comigo nestes dias críticos para a cidadania lusitana. Deus os abençoe!»
Todos se lembrarão que recentemente se discutia na Nação se o Engenheiro o era ou não. A justiça deliberou no caso que "Do Portugal Profundo" trouxe para a agenda do pais, bem como a hipotetica manipulação dos medias de Portugal. Pois bem que esta decisão sirva a todos!

3 comentários:

António Silva disse...

Não tenham medo denunciem, talvez comecem a pensar 2 vezes antes de fazer aldrabices!

canal241 disse...

Os juizes parecem todos socialistas, os jornalistas só sabem dizer a palavra: alegadamente, o povo quer é festa e futebol e os politicos aproveitam este maná que nem no 3º mundo têm tão fácil...
Denunciar? só anonimamente senão somos perseguidos, eu já fui, continuo a ser até que algum dia o gajo me prenda pelos "tintins" e ai secalhar vou ter de engolir em seco (também)... veremos...

policiadas disse...

Os tempos estão difíceis. Há muito folclore. Começa a ser difícil sermos cidadãos a tempo inteiro. Será que a cidadania começa a passar para a clandestinidade?

Search